Anna Guerra
  • Feminino
  • pernambuco/ São Paulo
  • Brasil
Compartilhar

Amigos de Anna Guerra

  • CARLOS ALBERTO LAZZAROTTO
  • BARÃO COMENDADOR VADINHO
  • Robério Brasileiro
  • QUIM Alcantara
  • Jorge Vilaça
  • José Cunha
  • Léo Brito
  • Carlos Rooto www.carlosrooto.com
  • thina cunha
  • Margarida Caetano
  • pedrobraga filho
  • Galeria Mali Villas-Bôas
  • Gabriel CZS
  • Henrique de Brion
  • António Dulcídio

Anna Guerra obras

Carregando... Carregando feed

 

Página de Anna Guerra

Últimas atividades

Anna Guerra agora é amigo de Jorge Vilaça, Robério Brasileiro, BARÃO COMENDADOR VADINHO e CARLOS ALBERTO LAZZAROTTO
11 Out, 2011
Anna Guerra atualizaram suas fotos do perfil
1 Jul, 2010
Anna Guerra atualizaram seus perfis
1 Jul, 2010
Anna Guerra recebeu um presente de Jorge Vilaça
25 Jun, 2010

Informações do Perfil

Breve Biografia
A mania de rabiscar as coisas continua. Em qualquer oportunidade está sempre fazendo um esboço, uma cópia, detalhando um projeto. Anna Guerra sabe o que faz e aplica o seu talento com um respeitável conhecimento das técnicas e uma impressionante habilidade no trato das cores e na forma como misturá-las para criar efeitos.

A sua arte, por mais grandiosa e exuberante, é apenas uma reflexo da sua riqueza interior e da maneira profundamente emocional com que vai tocando a vida. Precisa surgir em sua existência um noveleiro para escrever essa história. Enquanto isso não acontece ela vai deixando o registro nas grandes telas com que presenteia o seu público cada vez maior.



BIOCRONOLOGIA


- 1970 - Nascida em Recife, no dia 25 de junho, filha dos brasileiros Joaquim Octávio Correia Gonçalves Guerra e Marta de Oliveira Gonçalves Guerra.

- Durante sua infância, esteve sempre ligada a poesias, trabalhos manuais, artes e culinária. Família ligada a burocracia rural, radicada em Carpina, cidade da zona da mata de Pernambuco. Sempre ligada a esportes rurais, gostava de cavalos


- Ainda no primário era solicitada constantemente pelas colegas de sala para decorar os cadernos com desenhos e pinturas. Gostava de teatro e se responsabilizava pelos figurinos todos feitos com papel crepon e cola branca. Costurava, fazia crochê, ministrava aulas de culinária às mães de suas colegas na mesa de jantar de sua mãe. Idéia era o que não faltava. De um simples origami, a maquetes completas tudo com papel.

- 1988 – Ingressa na Universidade Federal Rural de Pernambuco no curso de Medicina Veterinária.

- 1993 – Curso de Arquitetura na FAUPE- Faculdade de arquitetura e Urbanismo do estado de Pernambuco. Encontrando o caminho...

- 1994 – Morando em Balsas, sul do Maranhão, começa uma coleção de tintas , telas e livros sobre pintura. Neste mesmo ano é presenteada com um filho o qual deu o nome de Matheus Gonçalves Guerra. Começa uma nova trajetória na sua vida. Aprender a ser mãe longe da família. Sempre num meio rural, junto a cultura popular.

- 2000- Tornou-se sócia em uma pequena galeria de arte, Espaço Criarte Recife- PE

Apaixonada pela cultura do nordeste e pela força da mulher começou a sua carreira como pintora. Descobrindo mais tarde que herdara da sua mãe Marta, desde a influência artística, pois ela vem de família de artista plásticos, sua bisavó Elisa e seu primo LULA CARDOSO AIRES, seu primo Álvaro Caldas, sua tia Vera Caldas, como a força guerreira que lhe acompanha.

- 2000– Passa a viver de arte, dando aulas e pintando, junto com a artista plástica pernambucana LUCIANA Câmara, da qual sofre várias influências. Conquistando espaço com os alunos cada vez maior. Com esse exercício artístico abraça a arte como sua definitiva profissão.

- 2000- Inaugura um atelier individual em Casa Forte, Recife, e passa a morar ao lado.

- 2002 – Participa de sua primeira exposição coletiva no Espaço Cultural ABA, com mais 16 artistas, com tema carnaval pernambucano, onde vende 2 telas. Começa a se interessar pala cultura nordestina com mais fervor.

- 2002– Neste mesmo ano Realiza sua primeira exposição individual, CARNAVAL, SONHOS E FANTASIAS, em Recife....
- 2003 – Participa pela primeira vez do projeto Olinda arte em toda parte, com atelier dividido com sua aluna Duda Camelo.

- Recebe de seu pai um livro o qual chama de Bíblia com toda a trajetória do artista plástico CARIBÉ, e começa uma nova faze na sua vida. “Quero ser como ele”. e passa a pintar mais de doze horas por dia com objetivo de fazer uma grande exposição.

- 2003 – Exposição individual no restaurante Yolanda.

- 2004 – Chega o grande dia e faz uma exposição com 50 telas no Projeto Olinda arte em toda parte onde tem sua segunda participação. Com o título Nordestinados, homenagiando seu tio in memorian “José Octávio Guerra” com o poema BANGUÊ.

- 2004 – Exposição individual no espaço Ariano Suassuna , no Paço Alfândega, Recife.
- 2004 – Exposição no aeroporto internacional dos guararapes recife, onde tem uma obra no acervo particular da infraero, recife.

- 2004-exposiçaõ no hotel nanai em porto de galinhas.

- 2004 – É convidada pelos alunos da universidade Federal de pernambuco do curso de jornalismo para fazer um trabalho sobre vida e obra publicado na revista ....... veiculada na UFPE.
Nesse ano, realiza duas exposições no Projeto Arte e cia, uma no atelier de sônia Malta, e outra no CAAC centro de apoio a arte e cultura..

- 2005- Lança uma nova coleção, A FORÇA DAS CORES

- 2005- É convidada para fazer uma nova exposição no espaço ARIANO SUASSUNA, paço alfândega, Recife- Pernambuco

- 2005-Realiza exposição na galeria da lith design, recife

-2005- Exposição no aeroporto internacional dos Guararapes com a coleção A FORÇA DAS CORES

- 2005– Foi convidado pela revista consulte para realizar uma expo em são Paulo na Galeria Malli vilas boas , veiculando em duas edições da revista.

- 2006 – Foi convidado pelo crítico de arte Emanuel Von Lauenstein Massarani, crítico de arte e superintendente do patrimônio cultural da assembléia legislativa do estado de são paulo para fazer uma exposição e hoje faz parte do acervo cultural, da assembléia legislativa de São Paulo.
Pinta um são Francisco para escola do vaticano em são paulo

- 2006– Exposição A força das cores, na galeria Spazio Surreale, São Paulo.

- 2006-muda-se para São Paulo

- 2007 – exposição no aeroporto do Galeão- Rio de janeiro onde tem um obra no acervo particular.

- 2007-exposição no aeroporto de Brasília distrito federal.

- 2007 – Nesse ano, exposição na livraria da vila, vila madalena SP.

- 2007– em parceria com a arquiteta sandra paro desenvolve um prjeto de um mosaico que foi adquirido pela empresa queiroz galvão para ser colocado em Angola, África.

2008- Participa de uma Exposição Brasil –Itália, edição de um livro ATRAVES DA GALERIA SPASIO SURREALE SÃO PAULO.

Nordestinados está acima de uma pintura à óleo: é uma mistura de cores e sonhos, plasmados pela luminosidade tropical desta terra fértil em criatividade e que já gerou tantas figuras que marcaram sua história. Resgata os idos anos 1950, com inspiração em Banguê poema de José Octávio Guerra (tio), a quem não tive o privilégio de conhecer, mas que resgatou em minha vida a face de um Nordeste das personagens sem máscaras, cara limpa, colorido, pleno de sensualidade e daquele molejo que nos transforma num povo que bem sabe aproveitar a vida, a despeito de todas as tão dissertadas dificuldades. Um Nordeste onde pobreza não significa ausência de dignidade, respeito mútuo, criatividade, fantasia e beleza. Um Nordeste NU onde as pessoas podem aproveitar o ser e o tempo de felicidade.

É impossível parar de pintar e de ter inspiração num lugar onde a natureza e o homem assumem extraordinariamente sua face e experimentam o verdadeiro e pleno sentido de harmonia e convivência respeitosa.

Nordestinados está muito acima de uma pintura à óleo. É uma mistura de tinta e alma que vai resgatar em 1950, com Banguê, a história de um poeta- que apesar de não tê-lo conhecido, sua alma tornou-se forte presença nas minhas inspirações.

Eu vejo o Nordeste de cara limpa.

O Nordeste sem máscaras, cheio de fantasias.

O Nordeste pobre, cheio de riquezas.

O Nordeste puro, limpo, sem vestes.

O Nordeste Nu.

É impossível parar de pintar esse Nordeste extraordinariamente lindo, fascinante e divertido.

Anna Guerra – artista plástica.

Fotos de Anna Guerra

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Caixa de Recados (4 comentários)

Você precisa ser um membro de Arte em Cima para adicionar comentários!

Entrar em Arte em Cima

Às 1:00 em 25 maio 2011, CARLOS ALBERTO LAZZAROTTO disse...
Realmente um nordeste lindo, cheio de problemas é verdade, mas cheio de temas maravilhos para arte
Em 8:17am on junho 25, 2010, Jorge Vilaça deu para Anna Guerra um presente...
Presente
Felicidades pra voçê....
Às 18:15 em 5 julho 2009, pedrobraga filho disse...
Muito lindas telas.
Às 23:18 em 1 julho 2009, António Dulcídio disse...
Bem vinda à Galeria Aberta. Cumprimentos.
 
 
 

Fórum

Sugestões para melhorar a GaleriaAberta.net

Iniciado por António Dulcídio. Última resposta de Elisabete lopes johansen 17 Nov, 2015. 1 Resposta

Aqui poderá deixar o seu contributo para nos ajudar a melhorar a GaleriaAberta.net. Deixe-nos aqui a sua sugestão. Continuar

Quais são as pinturas mais famosas do mundo em sua opinião?

Iniciado por Caion Fatibello Alves 22 Out, 2015. 0 Respostas

Olá pessoal! Eu escrevi um artigo sobre as 50 pinturas mais famosas do mundo em um blog, porém, gostaria de saber se a lista está boa da…Continuar

Que se lo ponga Cualquiera.

Iniciado por Fernando Ricardo Bezerra Rocha. Última resposta de Fernando Ricardo Bezerra Rocha 6 Jul, 2015. 4 Respostas

Hola, un mensaje a los Navegadores. Es solamente una observación como observador de vuestra Bienvenida  Associaçao. Noto que en las exposiciones presentadas no se ve ningún joven, niños o algo parecido a un adolescente.Como soy cazador, no me a…Continuar

Pesquisa sobre artes e redes sociais - para tese de doutorado

Iniciado por Sharine Machado Cabral Melo 19 Nov, 2013. 0 Respostas

Olá! Faço doutorado em Comunicação e Semiótica na PUC-SP. Estou fazendo uma pesquisa para minha tese. Se puderem, por favor, ajudem a responder e compartilhar.Obrigada!…Continuar

© 2017   Criado por António Dulcídio.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço